sábado, 22 de dezembro de 2007

Um tempo para o Natal e um tempo para a esperança.

2007 não foi particularmente um ano vitorioso para mim, mas mesmo diante de alguns tropeços fui generosamente acarinhada por quem prestigiou AS TRAMAS DE MILADY ao longo destes últimos meses.
Desde a primeira postagem sempre recebi muitas demonstrações de carinho e incentivo, o que só veio confirmar um sentimento: amizade é um bem querer sem fronteiras...
Agradeço imensamente a todos que me visitaram ao longo dos últimos meses e deixo aqui a promessa de retomar projetos interrompidos, idéias inacabadas e inspirações vitoriosas...
Deixo aqui o meu desejo mais sincero de tentar incentivar a todos que por algum motivo abandonaram suas agulhas, sonhos, idéias.
Que todos possam retomar e tecer novos planos, panos e tramar fios com carinho para todos aqueles a quem queremos bem, ou para àqueles menos afortunados que esperam um afago em forma de agasalho nos dias de frio ou de solidão.
Meus melhores e mais sinceros votos de Feliz Natal a todos e que 2008 traga esperanças e energias renovadas.
Quisera,
Senhor neste
Natal, ornar uma
árvore dentro do meu
coração, e nela pendurar
em vez de presentes, os nomes
de amigos. Os de longe e os de perto.
Os antigos e os mais recentes. Os que vejo
cada dia e os que raramente encontro. Os das
horas difíceis e os das horas alegres. Meus amigos
humildes e meus amigos
importantes. Os que sem querer
magoei, ou sem querer me magoaram.
Os que pouco me devem e aqueles a quem
devo muito. Os nomes de todos os que já passaram
pela minha vida. Que seja uma árvore de raízes muito
profundas para que seus nomes nunca sejam arrancados do
meu coração. De ramos muitos extensos para que novos nomes,
vindos de todas as partes, venham juntar-se aos existentes.
De sombras muito agradáveis
para que a nossa Amizade
seja
um momento de repouso

nas
lutas da Vida.
















segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Chamada geral para o Projeto Tricô Solidário 2008

Com esta coisa de Concurso Linea Italia e Ação entre Amigos acabei me desviando da proposta que imaginei para o blog. Mas sempre há tempo para retomar o caminho. E para que isto aconteça bem rapidinho, vou contar mais uma vêz com a ajuda de voces.
Para começar, que tal juntar suas sobras de lãs de projetos acabados ou abandonados e se engajar de corpo, alma e agulhas na campanha promovida pelo blog Tricot Solidário . Para participar é fácil, basta tecer com qualquer fio, em qualquer ponto, quadradinhos em tricô de 20cm x 20cm. As mantas para o projeto são confeccionadas com 28 quadrados, sendo 4 quadrados para a largura e 7 quadrados para a altura. Você pode mandar a manta pronta ou apenas os quadradinhos. Se você não sabe nem pegar na agulha ou não tem tempo para tecer, são aceitas doações em lãs. Esta é uma oportunidade ótima para você ajudar a quem precisa e também reduzir um pouco aquele seu estoque infindável de bolinhas e novelinhos de lã perdidos entre dezenas de sacolas plásticas, caixas, malas, armários...
Sem contar que tecer quadradinhos é altamente viciante mas não faz mal a saúde, é facil, ajuda você a ocupar as mãozinhas enquanto assiste televisão, se desloca de ônibus, metrô, trem para o trabalho, livra você das revistas velhas na sala de espera do consultório do médico ou dentista, ou mesmo ajuda a relaxar quando está presa (o) num congestionamento no trânsito.
Então pessoal, mãos a obra. Abra seu coração, seu baú de novelos e fios e quem sabe até o bolso (esta época do ano é ótima para comprar pontas de estoque de fios que 'encalharam' no inverno).
Troque seu 'big coisa' , batatas fritas ensebadas e altamente calóricas, 500ml de 'líquido para desentupir a pia' por alguns novelos de lã.
Não custa muito aquecer o corpo e o coração de alguém que conta com este gesto de amor e doação... Faça bem a você mesma (o) doando pedacinhos de você . Tenha certeza, você se sentirá muito mais leve...

Aproveito para deixar um recado especial àquelas pessoas especiais que sempre me prestigiam com o carinho de sua visita e seus comentários

A Vida
(tradução por Stella Machado do original La garantie du Mohair des Bergers Cathares )

A vida é como um tricô.
Deus te dá a lã e as agulhas
E te diz: Tricota o melhor que puderes, um ponto de cada vez,
Cada ponto é um dia na agulha do tempo.
Depois de 12 carreiras de 30 ou 31 pontos,
Terás 365 pontos,
Em dez anos, cerca de 3650 pontos...
Alguns são pelo direito, outros pelo avesso;;;
Há pontos que se perdem...
Mas que podemos recuperar...
A lã que o bom Deus nos dá
Para tricotar nossa existência
É de todas as cores:
Rosa como nossas alegrias, negra como nossos sofrimentos,
Cinza como nossas dúvidas, verde como nossas esperanças,
Vermelha como nossos amores, azul como nossos desejos,
Branca como a fé que temos nele.
Quantos pontos caberão no tricô de tua vida?
Só Deus é quem sabe!


sábado, 1 de dezembro de 2007

And the prize goes to...

Finalmente acabou a agonia da espera. O resultado da Loteria Federal, extração 04195, sorteado a poucos instantes foi o número 41.431.
A sortuda foi a Nilda Barroso que comprou o número 31.
Agradeço sinceramente mais uma vêz a todos que participaram . Valeu gente! Muito obrigado a todos.

Quem comprou, comprou...

Dentro de poucas horas saberemos quem é a sortuda ou sortudo que vai levar o laptop para casa. Infelizmente algumas pessoas reservaram seus números (ainda assinalados na tabela na cor laranja, porém sem as iniciais) e não confirmaram o pagamento. Mandei mensagens, pedi que entrassem em contato comigo por não conseguir localizar o depósito nos extratos do banco e, nada. Então pessoal esta é a última chance de não ter seu número reservado invalidado.
Estarei aguardando até às 17:00 horas (horário de Brasilia) por uma confirmação de que deseja manter o número
. Caso não haja manifestação e se por ventura um destes números for o sorteado ele não valerá e o vencedor será aquele que tiver a dezena do 2º premio da Loteria Federal de hoje. O resultado da Loteria Federal pode ser visto no link: www.caixa.gov.br Tão logo souber quem ganhou, colocarei aqui no blog o nome da pessoa e também mandarei uma mensagem por email avisando que Papai Noel se adiantou este ano...
Antes que me chamem de chata, quero deixar claro que estou tomando esta atitude em respeito a todos aqueles que prestigiaram a Ação entre Amigos e se dispuseram a tentar a sorte.
Agradeço imensamente o voto de confiança e amizade.
Boa sorte a todos!

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Hô, hô, hô! Tá chegando a hora do Papai Noel lhe entregar o laptop?!

Será que Papai Noel vai se lembrar que você quer ganhar um laptop novinho de Natal? Que tal dar uma forcinha pro Bom Velhinho e garantir seu número na Ação entre Amigos. Tá chegando a hora do sorteio. Restam poucos números e de repente você nem vai precisar escrever sua cartinha...
O ganhador será aquele que tiver o número equivalente à dezena do primeiro prêmio da Loteria Federal do dia 1 de dezembro.

segunda-feira, 26 de novembro de 2007

Enfeites de Natal made in Brazil

Faltando um mês para o Natal sei que muitos estão afoitos a caça de alguns novos enfeites para decorar a casa para as festas. Embora a variedade de coisas que são vendidas das lojas seja imensa, quase tudo é muito igual e com uma ou outra exceção praticamente nada é feito no Brasil. Como sou uma apaixonada por enfeites diferentes quero deixar aqui uma dica para enfeites de Natal lindos feitos pela Dinorah
Além das peças em feltro que são um mimo ela também faz coisas divinas em patchwork e uns anjinhos em bucha vegetal que são verdadeiras obras de arte. E o melhor de tudo, é artesanato brasileiro de primeira linha.

Aproveito para lembrar a todos que ainda não escolheram seus números para a Ação entre Amigos que o dia 01 de dezembro está às portas. Os números que estão marcados em laranja já estão reservados e os verdinhos ainda disponíveis.
Então meninas e meninos, não deixem de prestigiar. Você pode ganhar um laptop novinho!

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

Quem é vivo aparece - Olha o laptop aí gente!

Ando sumida por zilhões de motivos pessoais que não vem ao caso, mas não me esqueci daqueles que sempre me prestigiam com sua visita.
Quero lembrar a todos que o dia 01 de dezembro está chegando e que neste dia você poderá ganhar um laptop novinho com nota fiscal da fabrica Dell. Basta escolher um número da Ação entre Amigos. As regras para participar estão no link ao lado.
A propósito, a sortuda ou sortudo que ganhar, caso deseje, receberá o laptop com vários programas intalados (anti-virus, Br office (versão do word em portuês), editor de fotos, e mais outras coisinhas ). O maridão é expert nesta coisa de informática é quem vai se encarregar deste departamento tecnológico.
Então pessoal, não custa muito dar uma chance à sua sorte. Esta pode ser a sua oportunidade de parar de brigar com o seu 'lentium' ou com o filho por causa do computador!
Boa sorte a todos !!!

quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Materializando a proposta decente - parte 1

Desculpem a demora em começar a postagem para o caminho das pedras, ou melhor, o caminho do projeto de verão. Como sabem sou analfabeta digital e para algumas coisas dependo da ajuda do maridão (santa criatura!).
Sem mais delongas, aqui vai o gráfico da faixa inicial que será a base do seu projeto.

Para quem não sabe ler gráfico aqui vai a explicação do ponto carreira a carreira:

Como foi dito na primeira postagem sobre o projeto, a medida do seu projeto será dada a partir de uma camiseta que lhe sirva direitinho. Você também poderá medir inicialmente a peça enquanto tece a faixa inicial ao redor do próprio corpo, na altura em que melhor lhe convier. (Nos quadris, um pouco mais acima ou abaixo). Você é quem decide.

Se for fazer uma blusa ou casaquinho aberto teça uma peça só. (uma faixa longa que dê a volta direitinho na sua camiseta ou corpo e passe uns 2 cm)
Se resolver fazer uma regata com costuras laterias, teça 2 faixas com o mesmo comprimento que depois serão costuradas.
Se quiser tecer uma blusa ou túnica fechada e sem costuras laterais, faça uma montagem de pontos provisória sobre uma correntinha em crochê , para depois costurar com um grafting, antes de levantar os pontos para prosseguir o trabalho.

Antes de começar a tecer de verdade, treine um pouquinho o ponto para ver se entendeu. Ele é fácil e as repetições são curtas. Teça a amostra com agulhas de diferentes espessuras e veja qual lhe agrada mais.

Para facilitar o controle das carreiras já tecidas, fiz uma tabela numerada e colorida. A cada carreira que você tecer, marque um x no número equivalente a carreira. Assim se você precisar parar seu trabalho, saberá exatamente onde está.
Observem que cada coluna ímpar está colorida com uma cor diferente.
Pois bem: todas as carreiras abaixo da carreira 1, serão iguais a primeira carreira do gráfico; toda carreira 3 e as que estão abaixo dela, serão iguais a 3ª carreira do gráfico e assim sucessivamente.
Lembrando que o gráfico é lido da direita para a esquerda (ou seja, do jeito que tecemos).
Sugeri o fio Bella da Pinuoin por ser um fio bonito, barato, que rende bastante e que tem cores bem legais. Dependendo o seu manequim você vai usar 2 ou no máximo 3 novelos. Se sobrar, não se preocupe, fio que sobra nunca é perdido! Porém nada impede de usarem outro fio do seu agrado.
Para quem estiver fazendo a versão inverno, não se preocupe. O projeto é 'for all'!
Amanhã tem mais!

domingo, 28 de outubro de 2007

Ação entre amigos - Laptop e tricô

Voces que me visitam sempre já sabem que ganhei um laptop pelo segundo lugar no Concurso Mãos de Fada. Achei interessante a idéia de colocá-lo a venda aqui no blog através de uma ação entre amigos e visitantes .
As regras para a aquisição dos números estão no link ao lado.
Espero contar com a participação de todos.
Obrigado e boa sorte!

quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Uma proposta muito decente

Quando o calor chega no hemisfério sul ninguém se anima a pegar nas agulhas.
As coitadinhas ficam jogadinhas num canto, completamente abandonadas, tortas ou com as pontas quebradas esperando timidamente o frio voltar. Com exceção de roupinhas para bebê e uns poucos crochês, ninguém mais se lembra o quanto é gostoso sentar na varanda, balançar na rede, sentar num banco do parque, no quintal, à sombra de uma árvore, e tecer. E entre um ponto e outro, sentir um pouco do vento, respirar calmamente, ouvir passarinho cantando, perder o olhar no horizonte, ainda que você more num lugar como São Paulo.
Mesmo com bons fios que temos no mercado, fios de algodão (perfeitos para o verão) e outros em algodão com viscose, nem nos lembramos o quanto é bonito um trabalho tecido com um fio mais delicado e com agulhas mais finas.
Afinal desde que nos bombardiaram com fios peludos e cheios de texturas que quase ninguém se lembra do tricô como a arte de tramar fios. E não estou falando de rendas tecidas com agulhas 1,5 e fios pouco mais grossos do que linha de costura. Estou apenas falando de um tricô simples, em ponto simples, porém com cara de verão: colorido, alegre e leve.
Pensando nessa leseira que cai sobre muitas tricoteiras arteiras, quero fazer uma proposta decente a voces e ao mesmo tempo criar um projeto muito simples para envolver todas que não acham graça em fazer tricô no verão.
A partir desta idéia, do envolvimento das pessoas que me visitam, em no máximo um mês quero montar aqui no blog uma galeria de fotos com as artes das minhas visitantes.

Para quem topar participar do desfio, aqui vão as diretrizes:

A partir de uma faixa rendada seu projeto único vai tomar a sua medida e ficar com a sua cara! . E por favor, não me peçam receita. Aa receita quem vai fazer é você. É só seguir o passo a passo. Afinal este será o seu projeto, sua obra!

O que você vai precisar de material é básico e custa pouco.
  • Escolha uma camiseta (reta ou baby look) em boas condições e que lhe sirva direitinho sem ficar toda torta ou gigantesca no corpo. Este será o seu molde.
  • Use um fio de verão a sua escolha, atentando apenas para as agulhas. O barrado será tecido com ag. com uma numeração acima daquela recomendada para o fio.
  • agulhas de tricô com as pontas em dia (retas se você for fazer uma camiseta ou blusa em 2 partes e não souber usar agulha circular, ou agulha circular de 60 a 80 cm - sei que agulhas com 80 cm são difíceis de encontrar então use 2 agulhas de 40cm uma seguida da outra)
  • Boa vontade e carinho, afinal está será uma obra sua, prá você ou para alguém especial.
O projeto que vou fazer na verdade será um projeto duplo: um casaquinho com o fio Bella para a minha mãe e uma batinha tipo túnica para mim com o fio Gioia da Aslan (um fio lindo, maravilhos, macio, 100% viscose, que está em oferta, mas só tem uma cor). Vou usar agulhas 4,0, 4,5 e 5,0.

Só para voces matarem a curiosidade, vejam que interessante o ponto do barrado: É a partir daí que tudo vai começar.

Amostra com o fio Bella e agulha 5,0
Amostra com o fio Gioia e agulha 5,0

Para quem me visita de outros países, fica a sugestão para usar um fio de inverno a sua escolha. O projeto pode perfeitamente ser adaptado para fios mais quentes e o modelo fica muito bom com mangas compridas ou 3/4.

Espero contar com a adesão de muitas tricoteiras arteiras.
Afinal um tricozinho é sempre bem vindo!



segunda-feira, 22 de outubro de 2007

Naquele novelo tinha um nó...Tinha um nó naquele novelo...

Tem coisa mais irritante para quem faz tricô ou crochê do que encontrar um nó bem no meio de um novelo quando se está tecendo aquele ponto todo trabalhado que não permite imperfeições?
Tem coisa mais chata do que ficar emendando fio e fazendo uma verdadeira alquimia para esconder todas as pontas destas emendas sem deixar o trabalho com um avesso feio ou uma borda toda grosseira?
Pois bem, parece que os nossos fabricantes ou importadores de fios não dão a mínima para uma coisinha importante dentro do processo industrial: o controle de qualidade.Quem importa, importa de baciada, containers inteiros de fios interessantes e fios meia-boca. E não está nem aí com o consumidor final: querem é vender tudo o que compraram a preço de banana, a preço de ouro. Se os fios são de boa qualidade ou não, é totalmente irrelevante e secundário.
Afinal, 'tricô é coisa prá velho e velho não reclama'.

Quem fabrica seu próprio fio aqui no Brasil, quer é vender tudo e mais um pouco para fazer frente a concorrência dos fios importados, e também deixam o controle de qualidade prá segundo plano. As coisas boas fabricadas por aqui são exportadas e nós réles brasileiros ficamos com o que não serve para o primeiro mundo.
Tudo bem que fios relamente bons como os inglêses (Rowan), Alemães (Austerman), Japoneses (Noro), Americanos (Debbi Bliss) só para dar alguns exemplos, eventualmente apresentam alguma imperfeição. Se você reclama, não fica a esperar por meses uma resposta com um pedido de desculpas. A resposta é pronta, polida e sem rodeios. Pouco importa onde você comprou o fio.

Por aqui, as empresas até lhe 'indenizam' lhe 'oferecendo' um outro novelo de fio, mas enquanto isso, seu trabalho fica lá paradinho, esperando a boa vontade do fabricante em lhe substituir o que você comprou com defeito. E se por ventura você não tiver a nota fiscal, esqueça.... Aquele fio defeituoso que caiu de pára-quedas na sua cesta de tricô, pelo princípio da geração expontânea se revoltou, ficou todo cheio de nós e torções irregulares, pot mero capricho Fio com defeito? Cadê?! Simplesmente não existe porque não foi 'comprado'. Você colocou todos aqueles nós alí só pelo prazer de emendar fio após fio, e trasformar sua obra 'tricotística' num 'amarradinho'.
Haja paciência e boa vontade para entender porque nos tratam com tanta indiferença e falta de consideração. Será que já não está na hora de uma mudança de postura para com o consumidor de fios e outros insumos para tricô e crochê?
Então para encurtar a bronca:
Alô fabricantes e importadores, um dia voces vão precisar de nós tricoteiras arteiras e aí?!..
Vejam o tamanho do nó 'espetado' na agulha. Este foi apenas um dos vários que encontrei ao longo de 3 novelos. Para minha 'alegria' este pedacinho tecido era só a amostra .
Mais 3 novelos de pura emoção: nós e fio destorcido.

domingo, 21 de outubro de 2007

Ausência de postagens

Peço desculpas a todas (os) que costumam visitar este cantinho pela ausência total de postagens. Estou passando por alguns problemas de saúde (nada grave), o que tem me impedido de dedicar um tempo especial àquelas (es) que sempre são tão gentis com suas visitas e comentários. Peço um pouquinho de paciência e por favor, não se esqueçam de mim. Até meados da semana estarei melhor e aí, podem preparar as agulhas porque vem um projeto desafio a caminho...
Obrigada por todas as visitas e comentários.

quarta-feira, 10 de outubro de 2007

Um alô prá voces!

A todos que me visitaram nestes últimos dias e manifestaram sua indignação diante de um embuste, deixo aqui meus sinceros agradecimentos. Em particular agradeço a estas blogueira- tricoteira - arteiras de primeira: Geny, Rosi e Solange.
Caso alguém se interesse em receber a receita completa do modelo do colete que criei e não copiei de revista velha ou nova, livro antigo ou não, peço a gentileza de me mandarem um email: kbdesigntc@gmail.com
Vou ficar muito feliz por receber a sua mensagem.
Infelizmente a receita publicada no site da Linea Italia está incompleta.

domingo, 7 de outubro de 2007

Milady vai ao baile e leva o tricô!





Quando digo que tricô é chique, não é mera figura de retórica. Quando 'folheamos' revistas impressas ou eletrônicas e nos deparamos com modelos lindos e elegantes como estes, criativos e despojados como estes e estes, modelos com cara de praia sem ser 'aquele' da novela das 8, como este ou este, sem a menor pretensão de mostrar nenhuma obra de arte, levo meu tricô ao baile.
Uma estola tecida com um fio diferente, na cor certa , usada sobre a roupa certa, se torna um verdadeiro 'curinga' no seu guarda roupas.
Se você tiver mãos de fada e dedos mágicos para tecer maravilhas como esta ou esta, tramadas com maestria pela Solange logicamente não vai querer nem saber de um tricozinho básico.
Mas se não for este o caso, não se acanhe: encare o desafio de tecer algo especial para você.
Os fios que usei foram respectivamente o Grenolê ( preto, fosco) e o Isis (peludo e cintilante). Ambos foram comprados na Aslan. Usei 1 cone e meio do Grenolê e 4 novelos de 50gr do fio Isis. Infelizmente não fiz receita para a peça, mas a idéia veio daqui e daqui.

quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Revogando a Lei de Gerson pelo bem do tricô

Muitas de voces tem acesso a todo tipo de revista impressa ou eletrônica. Muitas de voces são 'velhas amigas ' do tricô. Conhecem muita coisa boa que é veiculada nas dezenas de livros e revistas maravilhosas que encontramos lá fora. Eu mesma tenho uma pequena biblioteca 'tricotística' que só não cresceu mais por enquanto por falta de recursos materiais. Busco sempre por informação, inspiração e sou maluca para aprender novas técnicas. Adoro um desafio!

No início deste ano estava envolvida com um projeto grande de criação e acabei assinando a Revista Revista Vogue Knitting para me interar melhor com as novidades. O primeiro exemplar que recebi foi a Edição de Inverno 2006/2007. Literalmente enlouqueci com a criação da estilista americana Norah Gaughan. Com maestria e toques de gênio ela brincou com formas geométricas e formas da natureza. Os pentágonos que compõem o seu 'capecho' (o nome é uma mistura de xale, cachecol e shrug ou mini bolero)remete a nossa imaginação às formas de cristais de gelo. Uma obra prima. Aliás, Norah cria coisas inimagináveis no seu livro Knitting Nature. Viaja por cores e formas requintadas em suas criações para os fios Berroco.

Fiquei tão encantada com a concepção do modelo que enquanto não desvendei os mistérios da sua exeução não sosseguei. O famoso bolero Vogue foi literalmente dissecado por vária componentes de um grupo de tricô do qual faço parte. Cheguei a decorar a quantidade de pontos de cada elemento que compõe o pentágono. Mas e dai?

Passado o momento de deslubramento inicial, desisti de tecer um capecho para mim porque já não representava um desafio.

Tempo vai, tempo vem e não é que fui 'atropelada' por um 'capechão' que cruzou o meu caminho.

Levantei, dei a volta por cima e me lembrei da Lei de Gerson: "Eu gosto é de levar vantagem em tudo! Certo!?"

E porque cargas d'água a Lei de Gerson me veio a mente? Só para me lembrar que um capechão não derruba uma mente criativa. Não conquista espaço, simplesmente invade espaços sem ser convidado. Pode até incomodar porque é grande e disforme, mas desaparece no ar como fumaça perniciosa que faz mal aos olhos. Como toda cópia, jamais terá identidade própria. Não faz jus a criação original de Norah Gaughan.

Capechão não é Capecho!.

E a Lei de Gerson? Esta certamente será revogada por muitos, algum dia.

Para quem acha que estou delirando, que o 'capechão' não existe, olha ele aqui e aqui, oh!

quarta-feira, 3 de outubro de 2007

A Lei de Gerson e o Tricô

Desde que criei este blog tinha em mente não tratar de assuntos polêmicos e não ligados ao tricô. Porém após algumas postagens, alguns tropeços com o Blogger que insiste em não me deixar postar do jeito que quero, estou sendo compelida a escrever alguma coisa um pouco fora do meu objetivo inicial.

Passada a euforia do concurso da Linea Italia onde fui escohida como a segunda mais votada de acordo com a votação popular (inquestionável, diga-se de passagem), deixo no ar algumas perguntas que não querem calar: O que é criatividade? O que é criação?

quinta-feira, 27 de setembro de 2007

A amizade e o tricô



Um carinho especial aos meus amiguinhos peludos por sua gentil colaboração na campanha de votação.

Quando montei este espaço para falar um pouco de tricô, não tinha a menor idéia qual seria a sua aceitação no mundo dos blogs. E surprendentemente, quando veiculei aqui a minha participação no concurso Mãos de Fada, mal pude acreditar nas centenas de visitas que recebi. Amigas de outros blogs gentilmente aderiram à campanha e num gesto de pura amizade e carinho virtuais lembraram a minha particiapção no concurso.
Passada a fase de votação, quero agradecer a todas as demonstrações de carinho e pelos votos que recebi, até de Portugal!
Minhas emoções estão a flor da pele, minha ansiedade difícil de conter já que o resultado do concurso será divulgado ao vivo no dia 03 de outubro, na TV Século 21, durante o programa Mulher.com.
Tomara outras iniciativas como a da Linea Italia aconteçam daqui para frente, pois além de ajudar a quem precisa (no caso as peças que foram enviadas para o concurso serão doadas a uma instituição que trabalha com a reabilitação de deficientes auditivos), ajudam a divulgar o trabalho artesanal.
Tricô é chique, é moda!
Cada peça tecida por você é única mesmo que você use uma receita criada por outrem. Nas dezenas de pontos que você teceu deixou um pouco das suas emoções, das suas alegrias e tristezas, da sua solidão, das suas conquistas pessoais e do seu amor por alguém ou alguma coisa.
Não importa o tamanho ou o grau de dificuldade da sua obra. Ela foi tramada por você! É um pedacinho de você que irá aquecer, enfeitar, alegrar os olhos e o coração de você mesma ou de alguém que receberá esta forma material de carinho.
Obrigada a todos que visitaram este blog nas últimas semanas.
Obrigada a todas que votaram em mim! Desejo que cada minuto dispendido na frente da telinha lendo as minhas postagens sejam revertidos em coisas boas e muitas alegrias na vida de cada uma (um) de voces.
Valeu pessoal!

terça-feira, 25 de setembro de 2007

Torcendo muito

(Este é gato Kevin, mais uma peluda e amada criatura da minha amiga querida, a Cris)

Antes de mais nada quero pedir desculpas aos visitantes do blog pela constante alteração de estilo e a estética meio esquisita. Há vários dias venho 'brigando' com o layout do Blogger sem sucesso. Escrevo uma coisa, posto toda bonitinha e quando vou ver, aparece tudo bagunçado. Prometi a mim mesma não me irritar com coisas que não domino, então, deixa prá lá. Um dia vou entender direitinho como é a 'química' do Blogger. Sorry!

Faltando menos de 24 horas para o encerramento da votação para o Concurso Mãos de Fada, vou pedir licença a voces para apresentar umas coisinhas que criei nos últimos tempos.
Além do colete que chegou às finais do concurso, uma outra peça minha ficou entre as 100 que passaram por avaliação. Não sei qual foi a minha colocação dentre as peças participantes, com este casaco, mas posso garantir que fiquei muito feliz com o resultado. Duas peças entre 100, um feito e tanto lembrando que eram 4200 projetos.

Tenho paixão por bolsas e de quando em quando crio algumas, como estas:


Não tenho por habito fotografar o que faço, mas agora com o blog vou tentar caprichar nas fotos. E logo logo vem receita por aí.

domingo, 23 de setembro de 2007

S ou Z eis a questão!

(A mais doce criatura felina que já conheci: Qu'est-ce que c'est, outra fofura adotada pela vizinha!)

Por várias vezes já ouvi as tricoteiras arteiras reclamarem que o fio destorce enquanto é manuseado ou tecido. E que quando se desmancha o trabalho então, alguns fios simplesmente desintegram ou se transformam num verdadeiro emaranhado de fibras. E por que isto acontece? Será porque o fio é ruim? Será que o fio ficou revoltado com a sua falta de carinho ao tecê-lo, e resolveu lhe dar uma lição porque não gosta de ser puxado, esticado, apertado sem o menor cuidado?

Nada disso. Toda esta questão de fio 'desparafusado' ou destorcido está ligado a uma propriedade físico-mecânica inerente a todo tipo de fio : a torção.
Calma, calma, prometo que não vou escrever nenhum tratado de engenharia. Mas o que é torção e porque ela inferniza tanto a vida de quem tricota?
A Torção é usada para fixar as fibras entre si, dando resistência ao fio. Simplificadamente, a torção é definida como uma medida das voltas espirais dadas a um fio, para juntar os filamentos ou fibras que comporão o fio. Quanto menor a torção mais suave é o fio. Quanto maior a torção mais resistente ele é. A torção pode ter o sentido Z ou S.
Bem, nestas alturas você deve estar com expressão de ponto de interrogação porque está toda enrolada no S ou no Z. Vejam as imagens a seguir.


A imagem é do fio Sedificada da Pingouin. Um fio de boa qualidade e que é torcido em S. Se você tiver o fio em casa, dê uma olhada nele. Segure o fio na vertical e veja como as fibras se entrelaçam no sentido horário, 'formando um S', cada vêz que um filamento é enrolado ao outro.
Esta outra imagem é do fio Desejo da Pingouin. Um fio com torção em Z. Segure o fio na vertical e veja como as fibras se entrelação no sentido anti-horário , 'desenhando' um Z imaginário, cada vez que uma passa por sobre a outra.

Com estas informações, agora você já poderá 'salvar' seu fio da ruina, caso precise desmanchar um trabalho. É só prestar atenção quando for enrolá-lo novamente. E o que a torção pode fazer mais pelo meu tricô? O S ou Z também são responsáveis pela 'textura' final do seu trabalho e pela aparência de uniformidade do seu ponto. Mas cuidado para não 'torcer' muito o 'pepino'! Senão ele 'quebra'. Esta quebra é uma tal de fator máximo de torção.

Compliquei?!
Você ainda não viu nada...

Ah! Se você quiser comentar ou perguntar alguma coisa, fique a vontade. Vou adorar saber o que você pensa!


Em tempo: estamos na reta final para escolher a vencedora do Concurso Mãos de Fada da Linea Italia.
Seu voto será muito bem vindo! A peça que criei e teci é a número 5


Seu voto poderá ser dado até dia 26 de setembro, somente pelo telefone: 19-3871-9620
Quem votar estará concorrendo a uma cesta linda de fios da Linea Italia.




quarta-feira, 19 de setembro de 2007

A trama dos fios

(Este é Gabriel, peluda e fofa criatura adotado pela minha vizinha)

Na postagem anterior comecei a falar sobre fios e o que dizem aquelas letrinhas minúsculas estampadas nos rótulos. Lembrei a necessidade de se comprar a quantidade certa de fios para o seu projeto e não correr o risco de não encontrar mais o fio na mesma cor, lote ou partida. Pois bem o que lote ou partida?
Lote é um especificação para tingimento do fio. Todo fio que passa por processo industrial de 'receber cor' é tingido em lotes ou grupos, e estes grupos diferem ligeiramente um do outro, embora sejam da mesma cor. Até mesmo as cores brancas e cru podem apresentar diferenças após o banho de tingimento. Este banho pode ser numa única cor ou varias cores, repetidas em espaços regulares ou não (space dye).
A partida pode-se dizer, está mais ligada aos fios que são torcidos ou enrolados a partir de fios já tingidos previamente. Quando fios previamente tingidos são enrolados para formar um outro material, este fio que será adicionado também já têm um número do lote de tingimento. Se por ventura o processo de enrolar for interrompido porque o material que estava sendo 'enrolado' acabou, o fabricante deve ter o cuidado de usar um fio do mesmo lote que o anterior para não obter um produto final 'manchado'.
Uma outra especificação que consta de alguns rótulos e que pouca gente sabe o que significa é o TEX, Nm ou Ne.
Estas siglas estranhas estão ligadas a 'grossura' do fio ou Título. Título??!!

Título
: É a medida para a grossura do fio, é uma relação entra entre a massa e o comprimento. Há dois sistemas de medidas: ‘’’Sistema indireto’’’ (massa por unidade de comprimento): Sendo os mais comuns o título inglês Ne, usado para o algodão (1 Ne = 840 jardas/libra), e o sistema métrico Nm (Quantidade de metros que contém em um grama de fio). ‘’’Sistema direto’’’ (comprimento por unidade de massa): A unidade de título adotada internacionalmente (ISO) é o Tex, Tt, que significa número de gramas por 1000 metros.

No exemplo do fio Molet o Nm é de 3/6 ou seja em 3 metros de fio , você tem 6 gramas em peso.
No exemplo do fio da Texin , o TEX é 1020, ou seja em 1000 metros de fio você tem 1020 gramas de fio ou 1,020 kg.

Já sei , já sei, você deve estar achando que isto não tem nada a ver com o tricô, que é pura Física e Matemática. Mas garanto prá você que tem muito a haver com o resultado da sua obra. Este monte de siglas e números vão determinar se o seu trabalho vai ficar pesado ou leve quando terminado. E também vai ajudá-la a endender porque uma fibra 'pesa' mais do que a outra.
Mas isto já é um outro assunto....

segunda-feira, 17 de setembro de 2007

A base da sua obra de arte

(Este é Gato KIM , amada criatura que me acompanha a 13 anos)

Nas postagens anteriores falei sobre as ferramentas básicas e auxiliares para a criação da sua obra de arte. Agora chegou a vez de falar sobre a tela, ou melhor os fios que serão tramados, tecidos, para criar algo único e feito por você.

Nas minhas andanças pelas lojas que comecializam insumos para tricô e crochê sempre ouço a clássica pergunta às vendedoras, será que este fio é bom prá fazer cachecol? Bem, todo fio é bom para tecer qualquer coisa, porém a escolha certa dos fios e agulhas vão garantir o sucesso ou fracasso do seu trabalho. Costumo dizer sempre que se você é principiante, nunca pegou numa agulha, mas está enlouquecida com a idéia de fazer um cachecol lindo "igualzinho" àquele que viu naquela loja cara, compre um fio simples e baratinho para aprender. Os fios não costumam gostar de serem desmanchados, puxados, enrolados beeeemmm apertados em bolinhas....De repente você muda de idéia porque descobre que o tricô não é a sua praia e aí desperdiça dinheiro. Mas se depois de ter praticado um pouquinho, você realmente descobre que jamais conseguirá viver novamente sem tricotar nem que seja só um cachecol, vá em frente. Os grandes artistas também começaram assim...

Esqueça os fios peludos, com torção irregular ou fios texturizados (borbotos, bouclês) porque são difíceis de trabalhar para quem não tem o domínio das agulhas. Passado o primeiro momento de euforia com tantas opções tentadoras, você finalmente opta por um fio de aparência simples e sem muitos detalhes. E agora que agulha eu compro? É nessa hora que a leitura do rótulo entra em cena. Antes de comprar uma agulha grossa ou fina demais, leia o rótulo! Leia com atenção todas as infomações e só aí compre sua agulha.

E o que significa o que está lá escrito nos rótulos com letras pequenas e linguagem indecifável em alguns trechos?
Veja os exemplos abaixo


Teoricamente todos os rótulos contêm as mesmas informações, mas ainda não há um concenso entre os fabricantes ou importadores brasileiros sobre o que realmente deve ser informado ao consumidor . Todas as informações contidas no rótulo são relevantes, mas a mais importante é a sugestão para numeração de agulha. Tricô bonito é tricô com consistência e não uma coisa mole, que desaba no corpo quando é usado. O tricô fica macio porque você usou um fio de boa qualidade, escolheu agulhas e pontos compatíveis com o fio. Portanto esqueça a idéia de usar uma agulha da grossura de um cabo de vassoura só pra dizer que fez um tricô 'arejado' ou fofinho. Tricô arejado é renda de tricô, feito com fio fino e delicado, agulha fina e ponto trabalhado. Agulhas novas, com pontas inteiras e superfície lisa são ferramentas fundamentais para o sucesso da sua obra de arte. Se você nunca teceu nada, comece com um fio proporcional à agulha 5,0 ou 6,0. Essas agulhas não são nem muito finas nem muito grossas. O rendimento do seu trabalho será visto rapidamente e você não vai desanimar.
Escolhida a agulha, compre a quantidade suficiente de fio para o seu projeto. Para um cachecol bonito com boa medida, você gasta entre 150 e 200 gramas de fio dependendo da espessura e trama do ponto escolhido. Quanto mais grosso o fio, mais você irá consumir.
Compre tudo de uma vez para não correr o risco de voltar a loja e não encontrar a mesma côr e partida ou lote. O conceito de cor é óbvio, porém o que é partida ou lote? Esses tais lotes ou partidas são importantes sim, mas vou falar disto daqui a alguns dias.

Quanto as instruções de lavagem, elas estão lá no rótulo para garantir a vida do seu trabalho. Os fios brasileiros de um modo geral não foram feitos para serem lavados a máquina. Mas se sua máquina possuir ciclo de lavagem para tecidos delicados, nada impede que você coloque seu trabalho dentro de uma fronha ou saquinho para lavar lingerie e lave à maquina. Só não recomendo centrifugar. Mas o ideal é lavar seu lindo trabalho à mão, com um sabão neutro, sabão de côco ou mesmo um pouquinho de xampú, caso não tenha nenhuma das opções anteriores. Use sempre água fria, ou no máximo morna. Deixe de molho por alguns minutos, agite a peça um pouquinho, enxague bem, se possível retire o excesso de água numa toalha. Evite torcer ou pendurar a peça. Deixe-a secar na horizontal, num lugar ventilado.
Uma dica para garantir que seu tricô continue branco, caso seja branco, é deixá-lo de molho por meia hora numa solução de bicarbonato de sódio e água (uma colher de sopa para cada litro de água) antes de lavar. Passado este tempo, enxague bem e lave normalmente com o sabão apropriado. Tricôs brancos não gostam muito de amaciante... Tendem a amarelar.







sexta-feira, 14 de setembro de 2007

Seu voto a favor do tricô

Após alguns dias de silêncio e ausência de postagens resolvi dar ar da graça, antes que voces me abandonem. Assunto prá falar é o que não falta, mas antes de retomar minhas seções informativas, vou tomar o tempo precioso de voces e pedir uma super, mega, bláster gentileza:
Votem na finalista 5!

A estas alturas voces já devem estar se perguntando que maluquice é esta? Pois bem pessoal, um dos meus trabalhos foi escolhido como um dos 5 finalistas do CONCURSO MÃOS DE FADA patrocinado pela Linea Italia. Para quem não soube do concurso, as regras consistiam em se criar uma peça de inverno em tricô utilizando os fios da Linea Italia.
Pois bem, acabei criando duas porque baixou a inspiração e uma vontade muito grande de mostrar um pouco do que sei fazer com o tricô. Na primeira fase do concurso eles receberam 4200 incrições. Deste número eles escolheram 100 modelos participantes que proseguiriam para a etapa seguinte. E lá estava eu entre os 100 escolhidos com as duas peças. Na segunda etapa, as peças foram encaminhadas à Linea Italia para avaliação quanto a criatividade, acabamento, uniformidade do ponto, etc. Destas 100 peças, sairiam apenas 5 como finalistas. E qual não foi a minha surpresa ao receber um telefonema ontem pela manhã comunicando que o meu modelito é um dos 5 escolhidos para a grande final.
Passado o primeiro momento de euforia e alegria dos amigos mais próximos, me dei conta que não conheço tanta gente assim, que o canal de TV onde foram veiculados os modelos não é acessível a todos (TV Século 21 Programa mulher.com -http://www.tvseculo21.org.br) e que só vou me destacar das demais finalistas com o voto dos amigos e o voto dos amigos dos amigos.
A votação é feita somente por telefone : 019 - 3871-9620 e vai até o dia 26 de setembro.
Quem votar estará concorrendo a uma cesta de produtos da Linea Italia.
Quem puder e quiser prestigiar mais esta trama de Milady através do voto, Milady só terá a agradecer. E para quem quer saber como é o modelito, aqui vai ele:




Como contribuição ao feito de Milady, Milord Burns (o maridão) fez a gentileza de editar um vídeo do programa onde estão sendo mostrados os demais modelos para quem quiser conferir.

video

No mais só me resta agradecer a todos da Linea Italia que julgaram tão positivamente o meu trabalho.
Conto com o seu voto!
Finalista 5
(019) - 3871-9620